William Shakespeare – Fases da Vida e Principais Obras


Biografia

As informações a seguir são baseadas em relatos de historiadores que estudaram a vida de William Shakespeare.

Infância, adolescência e início da vida adulta

William Shakespeare nasceu na cidade inglesa de Stratford-upon-Avon, em 1564, e foi um dos principais nomes da literatura.

Muitos acreditam que Shakespeare não terminou seus estudos, saindo da escola entre seus 12 a 15 anos para trabalhar junto ao pai, já que sua família sofria perdas financeiras drásticas.

Aos 18 anos, o autor casou-se com Anne Hathaway, tendo seus primeiros filhos, uma garota e dois gêmeos.

Depois do seu casamento até 1592, pouco sabe de William Shakespeare, já que relatos e estudos concretos são escassos.

Durante esse tempo perdido do autor, sabe-se que ele saiu da cidade natal. A principal teoria é que foi para Londres estudar teatro e tentou uma vida melhor para sua família.


O auge da sua carreia em Londres

Na época, Londres, e a Inglaterra em geral, viveu seu auge artístico sob o reinado de Elizabeth I.

Com as portas abertas para novos talentos, William Shakespeare estudou muito, principalmente obras clássicas, iniciando sua formação dramaturga.

Mesmo com dificuldades, Shakespeare apresentou seu talento, ganhando o primeiro emprego na companhia Burbage, de copista de anônimos.

Depois de um curto tempo, já era um dos principais nomes do teatro The Globe, com apresentações de suas peças.

Com o sucesso, William Shakespeare enriqueceu, sendo sócio do The Globe, possuindo boa parte do mesmo.

Muitos relatos dizem que Shakespeare se tornou tão rico, que adquiriu uma das casas mais caras da sua cidade natal.

Volta a cidade natal e morte

Após muito sucesso, William Shakespeare se cansou e voltou para sua sua família, em Stratford-upon-Avon.

Com seu retorno, Sharkespeare buscou descansar e sumir dos holofotes, fazendo algumas pequenas obras.

Em 1613, o autor terminou aquela que foi sua última peça conhecida, “A Tempestade”.

Entre pequenos trabalhos, William Shakespeare faleceu no seu aniversário, em 23 de Abril de 1616.

Pouco se sabe sobre sua morte, mas dizem que foi alguma doença causada por excesso de álcool.

Seu sepultamento ocorreu na igreja da Santíssima Trindade, junto com uma estátua de homenagem.

Características de William Shakespeare

A principal característica de William Shakespeare era a construção dos seus personagens, com um fundo e história bem densa.

Outra característica marcante das suas obras são os relatos do dia a dia das pessoas, principalmente da vida dos ingleses.

Algumas outras características dramatúrgicas e marcantes de Shakespeare, que valem a pena citar, são:

  • Personagens com pensamentos individualismo e fortes
  • Amores fortes, intensos e, quase, impossíveis
  • Uso de metáforas, principalmente em sua poesia
  • Uma mistura do tradicional com o original e novo
  • Monólogos longos e maduros
  • Em seus dramas e romances, histórias profundas, intensas e trágicas
  • Em suas comédias, misturar o real e o imaginário, com personagens sonhadores e individuais

Primeira fase (1590-1602)

Ocorreu durante o início de William Shakespeare em Londres, com suas primeiras obras.

Escreveu muitas tragédias e comédias, com um estilo renascentista forte da época e relatos históricos.

As principais obras dessa primeira fase de Shakespeare são:

  • Henrique IV
  • Ricardo III
  • A Megera Domada
  • Henrique V
  • O Mercador de Veneza
  • Romeu e Julieta

Segunda fase (1602-1610)

Possivelmente, a fase do maior auge e reconhecimento de William Shakespeare.

Com muita originalidade e um estilo próprio em suas obras, ele escreveu muitos dramas, tragédias e comédias.

Essa fase ocorreu durante o principal momento do autor em Londres, quando tinha sucesso e riqueza.

As principais obras da segunda fase de Shakespeare são:

  • Hamlet
  • Rei Lear
  • Macbeth
  • Tudo Está Bem Quando Acaba Bem
  • Otelo

Terceira fase (1610-1616)

A fase de decadência de William Shakespeare, quando já tinha desistido dos holofotes.

Marcada por obras pequenas, de menor expressão e com pouca intensidade e tragédia.

Algumas das obras escritas nessa época foram:

  • A Tempestade
  • Cimbelino

Principais obras

Tragédia

William Shakespeare obras

Os destaques da tragédia nas obras de WIlliam Shakespeare são:

  • Romeu e Julieta
  • Júlio César
  • Antônio e Cleópatra
  • Hamlet
  • Otelo
  • Macbeth

Comédia

Os destaques da William Shakespeare biografiacomédia nas obras de WIlliam Shakespeare são:

  • A Comédia dos Erros
  • Os Dois Cavalheiros de Verona
  • Sonho de Uma Noite de Verão
  • O Mercador de Veneza
  • Cimbelino
  • A Megera Domada

Peças históricas

As peças de William Shakespeare que retrataram a história e se destacaram foram:

  • Ricardo II e III
  • Henrique IV, V, VI e VIII
  • Rei João
  • Eduardo III

Peças

Performances

Pouco se sabe qual foi a data e primeira obra de William Shakespeare, mas acredita-se que ocorreu entre 1590 a 1594, podendo ser a Titus Andronicus.

Depois de 1592, as peças de Shakespeare foram apresentadas no The Theatre e no The Curtain, onde milhares foram ver a Henrique IV.

Depois de um tempo, as performances do autor foram apresentadas, em sua maioria, no The Globe.

Segundos estudos, sete peças de William Shakespeare foram performadas diretamente e exclusivamente para a corte real, incluindo a “O mercador de Veneza”.

Por fim, depois de 1608, as obras de Shakespeare começaram a serem performadas no Blackfriars Theatre.

Entre os principais atores das obras de William Blackfriars Theatre, podemos destacar:

  • Richard Burbage
  • Will Kempe
  • Henry Condell
  • John Heminges

Imortalidade

Depois da sua morte, William Shakespeare continuou ‘vivo’, ou pelo menos sua obra.

Em 1623, dois amigos próximos lançaram um compilado de textos de Shakespeare, intitulado “stol’n and surreptitious copies”.

Suas obras foram tão destacadas, que contando ao geral de vendas e busca, elas só perdem para a Bíblia.

A complexidade dos personagens de William Shakespeare é utilizadas nos estudos de psicológicos e filósofos.

Além disso, diversos diretores, roteiristas e autores de livros são inspirados pelas obras de Shakespeare

Poemas

Durante problemas com o teatro, William Shakespeare escreveu dois celebres poemas: “Vênus e Adônis” e “O Estupro de Lucrécia”.

Ambos os poemas são eróticos e contam histórias sexuais intensas e dramáticas.

Sonetos

Em 1609, William Shakespeare lançou o marcante trabalho “Sonetos”, seu último a ser publicado em vida.

No projeto existem nada mais, nada menos do que 154 sonetos.

Eles são abordados como uma experiência de morte, sexo, amor e natureza, contando o dia a dia dele mesmo e dos ingleses.


Gostou desse artigo? Dê seu voto!

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *