Teníase – Causas, Sintomas, Tratamento e Prevenção


O que é teníase?

A teníase nada mais é do que uma parasitose que é causada por um parasita chamado Tênia. Também é conhecida popularmente como solitária, que ocorre no intestino delgado humano. Dá origem a diversos sintomas, tais como dor abdominal, diarreia e também enjoos.

Tanto a teníase como a cisticercose são patologias que são originadas pelo mesmo parasita, que é a tênia. No entanto, a teníase acontece quando o parasita já se encontra em sua fase adulta enquanto está no intestino humano. Já a cisticercose ocorre quando há a ingestão dos ovos desse parasita e os mesmos de alojam nos tecidos, tais como cérebro ou coração.

Origem da palavra(Etimologia)

Teníase é um substantivo feminino que representa a infecção que é provocada por um verme parasita do gênero Taenia.

Causas

Tanto a teníase como a cisticercose são problemas causados por um mesmo parasita, que é a Tênia. Porém, ocorrem em diferentes fases do seu desenvolvimento.

Sendo assim, a teníase é decorrência da presença da Taenia solium já adulta, ou da Taenia saginata dentro do intestino delgado humano, sendo caracterizadas como hospedeiros definitivos.

A cisticercose, por sua vez, é causada pelo mesmo verme porém em sua fase de larva, que pode ser contraído através de hospedeiros intermediários, sendo que os mais comuns são os bovinos e suínos.Teníase sintomas


Sendo assim, ambas as doenças são causadas por um mesmo verme que, em fases diferentes, causam diferentes parasitoses nos humanos, mas isso não significa que uma pessoa irá apresentar as duas formas ao mesmo tempo.

Vale ressaltar ainda que a teníase que é causada pela Taenia solium é uma parasitose que é considerada não letal, no entanto, quando na etapa de larva ela pode causar uma cisticercose de gravidade fatal.

As espécies mais comumente encontradas de Tênia costumam alojar-se no intestino delgado humano enquanto as larvas tendem a ficar no tecido muscular dos porcos e também nos humanos, podendo ocorrer essa mesma infecção em bovinos.

Transmissão

A transmissão da teníase ocorre pela ingestão de carne suína ou bovina que não passou pelos cuidados adequados no momento do preparo, tais como congelamento e posterior cozimento.

Já a cisticercose se transmite quando os portadores da teníase eliminam os ovos do verme através de suas fezes no ambiente. Acidentalmente, outros humanos podem vir a consumir estes ovos e acabam adquirindo a parasitose, Mais do que isso, existem outros mecanismos através dos quais os humanos podem acabar adquirindo a cisticercose, tais como:

  • Autoinfecção externa: ocorre há a ingestão dos ovos do próprio portador dos vermes, como em é comum em casos de coprofagia em crianças e também de falta de higiene.
  • Autoinfecção interna: acontece quando o portador da tênia vomita fazendo com que os ovos atinjam o estomago por causa dos movimentos retroperistálticos.
  • Heteroinfecção: quando um indivíduo contamina a água com ovos da tênia e o outro é contaminado por esse meio.

Sinais e sintomas

A teníase é a doença causada pela Tênia e seus sinais e sintomas podem ser:

  • Prisão de ventre ou diarreia frequente
  • Dor abdominal
  • Enjoos
  • Dores de cabeça
  • Irritação
  • Insônia e cansaço
  • Aumento ou falta de apetite

De uma forma geral, a teníase não implica no aparecimento de sintomas. No entanto, caso esses sintomas apareçam é importante consultar um médico o quanto antes. É recomendado um especialista em gastrenterologia, para que seja possível obter um diagnóstico e dar início ao tratamento.

O diagnóstico desse problema é feito através de exame de fezes, no qual se observa o verme no bolo fecal.

Tratamento

Normalmente o tratamento para teníase é feito com vermífugos como a niclosamida, para indivíduos com idade superior a 6 anos, em dose única de 2g. Seguida pelo uso de laxativos e  dose única de 1g para acrianças entre 2 e 6 anos de idade.

Também podem ser utilizados outros medicamentos como praziquantel, de dose única de 5 a 10mg/kg de peso corporal ou Mebendazol e Albendazol.

Teníase sintomas

No entanto, o uso desses medicamentos sempre deve ser prescrito e recomendado pelo médico. Nunca devem ser tomados por conta própria.

Já para quem prefere um tratamento mais natural, a ingestão do chá de abóbora é uma excelente alternativa para a cura da teníase . Ele possui tenífugos que facilitam que os parasitas sejam expelidos nas fezes.

Prevenção

A prevenção da teníase se encontra, basicamente, em cuidados que devem ser adotados no dia a dia a fim de evitar a contaminação. Tais como:

  • Não fazer a ingestão de carne mal cozida ou crua
  • Beber somente água filtrada, mineral ou fervida
  • Lavar sempre as mãos, especialmente depois de usar o banheiro e antes das refeições
  • Lavar os alimentos utilizando água filtrada

Além disso, outras boas formas de prevenção são: dar água filtrada para s animais e ainda não adubar a terra com fezes humanas.

Ciclo de vida da teníase

O ciclo de vida da teníase é bastante simples e pode ser explicado da seguinte forma:

A teníase é contraída pelo homem quando ele se expõe a um fator de risco. Tais como: carnes bovinas ou suínas mal cozidas, água contaminada e etc.

As larvas do parasita se alojam no intestino delgado e lá se desenvolvem, evoluindo para a sua forma adulta. Depois de cerca de 3 meses a tênia já adulta passa a liberar os seus ovos, que são eliminados através das fezes.

Pronto, agora você já sabe um pouco mais sobre a teníase, como ocorre a transmissão, como é o tratamento e os cuidados que devem ser tomados na sua prevenção.


Gostou desse artigo? Dê seu voto!

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *