Esfíncter – O que é? Função, Tipos de Esfíncter, Sinônimos

O corpo humano é uma estrutura bem complexa, formado por inúmeros órgãos, musculaturas, sistemas, os ossos, a pela, cada parte com sua função específica. Um desses músculos é o Esfíncter.

Faça um Curso Online Grátis com Certificado válido em todo Brasil. Acesse agora através do botão abaixo e escolha o seu curso.

São mais de 2000 cursos totalmente gratuitos! Qualifique-se!

LISTA DE CURSOS

Existem algumas partes que, embora muito importantes, nós costumamos não nos atentarmos muito a elas e, às vezes, passam até despercebidas.

Além de importantes, possuem funções um tanto inusitadas em nosso corpo, mas que, em nosso dia a dia, tornam-se bem rotineiras.

Como é o caso dos esfíncteres. Vamos conhecer um pouco mais sobre essa estrutura muscular de nosso corpo.

Atenção: já ouviu falar do Médico do Futuro? Acesse para saber mais.

O que é um esfíncter?

É uma estrutura muscular contrátil formada por fibras circulares concêntricas e lisas, de controle involuntário, com o formato de anel. Responsável por controlar o grau de extensão de certo orifício. Abre ou fecha orifícios.

O que significa a palavra esfíncter?

Palavra de origem grega. SPHINKTER, de SPHINGEIN, “segurar firme”, “aquilo que aperta”. É um substantivo masculino.

Qual a sua função?

É responsável por controlar o grau de extensão de certo orifício. Abre ou fecha orifícios.

Abre ou fecha orifícios ou cavidades naturais de nosso corpo como, a boca, a bexiga, o ânus, a vagina, músculo da pupila,  esfíncter palatofaríngeo, dentre outros.

Quais esfíncter existem no corpo humano?

Esfíncter cárdico e pilórico
Esfíncter cárdico e pilórico

Existem, ao menos, 43 esfíncteres no corpo humano, sendo que alguns possuem tamanhos microscópicos. Desses, existem quatro muito importantes, dos quais falaremos mais abaixo: o cárdico, o anal, o pilórico e o urinário.

Esfíncter cárdico

Sua principal função é evitar que aconteça o refluxo gástrico no esôfago. Ele pertencente ao sistema digestório.

Para a região de transição entre o nosso esôfago inferior e o nosso estômago, dá-se o nome de Cárdia. Que também pode ser  chamada de Esfíncter Esofágica Inferior (EEI).

Faça um Curso Online Grátis com Certificado válido em todo Brasil. Acesse agora através do botão abaixo e escolha o seu curso.

São mais de 2000 cursos totalmente gratuitos! Qualifique-se!

LISTA DE CURSOS

É possível verificar através de um exame de endoscopia digestiva, é vista como uma linha que separa as mucosas esofágica e gástrica.

A cárdia é uma região importante, pois é onde podem surgir diversas doenças, como o câncer, a acalasia, o refluxo gastro esofágico e o Mallory Weiss.

Esfíncter anal

É um músculo situado no final do aparelho digestivo que possibilita a defecação.

Vamos entender como funciona o mecanismo de defecação:

Quando há fezes no que se chama de ampola retal, sente-se a necessidade de defecar. Nesse momento, o músculo interno fica relaxado. No mesmo instante, o externo, agindo por reflexo, se contrai.

A pessoa permanece mantendo a contração até defecar. E a defecação acontece quando o indivíduo relaxa o esfíncter externo.

Nessa esfíncter podem surgir problemas como: prolapso retal, hemorróidas, defecação involuntária, liberação de fezes enquanto o indivíduo dorme, etc.

Esfíncter pilórico

O piloro é uma espécie de constrição musculosa, situada na parte final do estômago, responsável por regular a passagem do alimento semi-digerido do estômago para o duodeno.

Dependendo da abertura do esfíncter pilórico, entre o intestino delgado e o estômago, o controle da velocidade para o esvaziamento gástrico pode ser maior ou menor.

Esfíncter anal
Esfíncter anal

A contrição do alimento é tão importante quanto o relaxamento do esfíncter para que o alimento possa passar. Evitando que ocorra o refluxo.

Uma doença que pode afetar esse músculo é a Estenose Pilórica. Que ocorre pela redução de luz do piloro. Pode ocorrer tanto após o nascimento quanto na fase adulta.

Em bebês, essa doença causa vômitos, que tendem a piorar, alimentação deficiente, perda ou excesso de peso.

Em adultos também ocorrem vômitos, dor e perda de peso.

Esfíncter urinário

É o conjunto de estrutura muscular que tem como função a continência urinária.

É composto por uma musculatura situada na região abaixo do colo vesical, que envolve, naquela altura, a uretra. O controle do ato de urinar é feito através do esfíncter externo composto de músculo estriado e pelo esfíncter interno composto por músculo liso, nessa sequência.

Quando há problemas nesses músculos, alguma deficiência, é onde ocorre a a famosa incontinência urinária, ou seja, a perda de urina de forma involuntária.

Existem, atualmente, alguns aparelhos que substituem a função desse músculo, como a prótese para incontinência após o paciente ter câncer de próstata, trata-se de uma esfíncter urinária artificial.

Sinônimos

Essa palavra possui alguns sinônimos, dentre eles, vejamos os mais populares:

  • borda
  • válvula
  • cortador de rabo de macaco
  • registro
  • bostêmico
  • músculo
  • bordela

Faça um Curso Online Grátis com Certificado válido em todo Brasil. Acesse agora através do botão abaixo e escolha o seu curso.

São mais de 2000 cursos totalmente gratuitos! Qualifique-se!

LISTA DE CURSOS


Gostou desse artigo? Dê seu voto!

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (10 votes, average: 4,80 out of 5)
Loading...

6 comentários em “Esfíncter – O que é? Função, Tipos de Esfíncter, Sinônimos”

  1. boa noite eu me chamo Paulo Sérgio tenho 43 anos e agora estou namorando eu tenho um problema urinário eu faço xixi direto eu não sinto para fazer xixi quando eu vou ver eu ja estou todo molhado eu sou paraplégico e uso frauda geriátrica gostaria de saber se tem algum medicamento para isso e qual é se vocês precisarem do meu contato ai vai ó meu número 017996499995 por favor eu estou precisando de ajuda Boa noite e que Deus abençoe vocês poderosamente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *