Antropologia – História, Áreas de Estudo e Métodos

Cursos Grátis Online com Certificado. São mais de 2000 Cursos. Clique no botão abaixo e escolha seu curso:

LISTA DE CURSOS

Antropologia é a ciência cuja o objeto de estudo é o homem, buscando entender a humanidade em sua totalidade, com isso se dedica ao estudo minucioso do ser humano.

O estudo e comportamento do homem despertou interesse desde a Antiguidade Clássica por diversos pensadores e filósofos, destacando o grego Heródoto, que se tornou o pai da história da antropologia. Esta ciência estuda os costumes, crenças, hábitos e aspectos físicos dos diferentes povos que habitaram e habitam o planeta.

O que é antropologia?

É a ciência que se dedica em estudar o ser humano em todas as suas formas. Busca entender de forma ampla e comparativa para findar os seus conhecimentos e a sua forma de ser.

Ela classifica o homem como ser cultural, ou seja aquele responsável por fazer cultura, por isso a antropologia investiga as culturas humanas no tempo e no espaço, buscando entender mais sobre as suas origens, desenvolvimento, semelhanças e diferenças.

Também é fundamental para contribuir com a erradicação de preconceitos derivados de indivíduos que não possuem os mesmos hábitos, assim como impulsionar o relativismo cultural e o respeito à diversidade.

Apesar da vasta variedade dos seus campos de interesse, a antropologia conta com um campo científico específico, onde se articula outras áreas do saber, como história, filosofia, sociologia, biologia, sociologia e direito.

Os antropólogos utilizam, como fontes de pesquisa, os livros, imagens, objetos e depoimentos históricos, que mostram através da vivência entre os povos ou comunidades estudadas, como eram os costumes e comportamentos de determinadas épocas.

O que significa antropologia?

A palavra vem do grego, formado por “anthropos”, que significa homem e “logos”, que significa conhecimento, portanto é a ciência que se dedica ao estudo do ser humano.

Cursos Grátis Online com Certificado. São mais de 2000 Cursos. Clique no botão abaixo e escolha seu curso:

LISTA DE CURSOS

Áreas de estudo da antropologia

Física ou Biológica: É a área responsável por estudar os aspectos genéticos do homem, também conhecida como bioantropologia que busca entender as formas de adaptação e evolução do ser humano, O que a Antropologia estudaonde o seu intuito está associado as características genéticas que separam povos e possibilitam que eles sobrevivam em determinados ambientes.

Social: Essa área da antropologia é responsável pela análise do comportamento do ser humano na sociedade, a sua organização social e política.

Aplicada: Essa área atua em pesquisas realizadas por antropólogos, como forma de assessoras os governos na formulação de politicas sociais, econômicas e educacionais.

Cultural: É a área que estuda o desenvolvimento da sociedade e a cultura do homem, sendo responsável pelas manifestações dos hábitos, rotinas e costumes de um povo, assim como a sua evolução nos costumes, relacionamentos, religiões, etc.

História da antropologia

A antropologia teve como marco durante a Antiguidade Clássica. Porém, a partir do primeiro momento que o ser humano pensou sobre si mesmo e sobre a sua relação com outros seres humanos, ele pensou antropologicamente.

Mais do que estudar sobre o ser humano, ela tem grande impacto social, cultural e arqueólogo. Muitos autores concordam que a antropologia de fato se definiu como disciplina depois da Revolução Iluminista no século XVIII. Foi possível aprimorar os métodos e classificações para a raça humana.

Entre os gregos que tiveram grande contribuição para a Antropologia estão Aristóteles. Entre os Romanos destacam-se os poetas Lucrécio e Tácito. Na Idade Média, muitos escritos cooperaram para a formação de um pensamento racional. Colocaram ao estudo da experiência humana, como fez o francês Jean Bodin.

No Iluminismo, ela se firmou em dois núcleos analíticos: Antropologia Biológica e Antropologia Cultural. No século XVIII, conquistou a categoria de ciência, tendo como intuito a análise da raça humana.

Hoje em dia, está adicionada nos debates das grandes questões nacionais. É fundamental em diversas frentes, como por exemplo, na mediação da relação entre povos indígenas e populações de cunho tradicional com o Estado brasileiro. Mais do que a ciência do saber, a antropologia é uma estratégia de conhecimento e também o meio de compreensão.

A importância da antropologia

A antropologia é uma ciência humana e social que tem como objetivo se aprofundar no saber humano, conhecendo as suas diferenças. Ela nos possibilita uma compreensão mais ampla de diferentes culturas. Também da forma sensata de cada uma quando analisadas a partir dos seus próprios propósitos.

A antropologia é importante. Com ela aprendemos que a nossa cultura, modo de ser e pensar, a nossa sociedade não são as únicas, nem as mais verdadeiras e originais. Ela mostra que todo e qualquer esquema cultural é apenas mais um dentro de vários outros. A importância da antropologia está atrelada em identificarmos que nenhuma sociedade é superior a outra.

A antropologia busca uma reflexão mais profunda. Nos ensina a nos afastarmos de nós mesmos , assim como de nossa própria sociedade e cultura. Abre a nossa mente para novos universos, novas possibilidades e formas de aprendermos com os outros e de conseguirmos enxergarmos através do outro. Conhecendo-o profundamente.

Métodos da antropologia

A Antropologia física ou biológica e a cultural recorrem a alguns procedimentos, de modo a atender seus objetivos de maneira mais fácil e segura. Para isso, é necessários alguns métodos:

Método Histórico: Tem como objetivo procurar eventos do passado, para que possamos compreender hoje os modos de vida de antigamente. Isso só é possível a partir da reconstrução da cultura e das mudanças que ocorreram ao longo do tempo.

Método Estatístico: É empregado com mais frequência no campo biológico. Tem o intuito de verificar as versatilidades das populações em seu campo cultura.

Método monográfico: É um método de estudo de caso que consiste em analisar os processos culturais de todos os setores da cultura. Permite se análise de instituições.

Cursos Grátis Online com Certificado. São mais de 2000 Cursos. Clique no botão abaixo e escolha seu curso:

LISTA DE CURSOS

Método Etnográfico: É um método utilizado para descrever os modos de vida da espécie humana. Principalmente, das primitivas e ágrafas e de menor escala.

Pergunta dos leitores

O que estuda a antropologia cultural?

Antropologia Cultural estuda a diversidade cultural do ser humano, tanto hoje em dia, como em grupos extintos. Estuda o homem a as suas sociedades humanas no seu aspecto cultural.

O que é a antropologia jurídica e criminal?

Antropologia jurídica é uma área voltada ao estudo das categorias que perpassam o saber jurídico desde a descrição das normas, como elaboração das leis, análise de sistemas jurídicos formais e informais, assim como perícia, mediação e resolução de conflitos.

A antropologia jurídica visa discutir fatores sociais e culturais que os operadores do direito desenvolvem durante os processos legais. Se ocupa do direito do outro, mas também das instituições jurídicas das sociedades mais complexas do mundo ocidental industrializado.

A antropologia criminal também é chamada de biologia criminal. É a ciência criminológica, que tem como objetivo identificar homens naturalmente criminosos, através de características particulares que conseguem mostrar. Até mesmo de forma visível ou caracterizados por traços somato-psíquicos, se ele chega a ser um delinquente, por exemplo.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.