Adolf Hitler – Biografia, Visões Religiosas, Estilo de Liderança

Cursos Grátis Online com Certificado. São mais de 2000 Cursos. Clique no botão abaixo e escolha seu curso:

LISTA DE CURSOS

O Austríaco Adolf Hitler (1889-1945) foi um político e ditador que governou a Alemanha de 1933 a 1945.

Hitler chegou ao poder de forma democrática. Porém, conduziu o processo que resultou na Segunda Guerra Mundial, o que causou a morte de 56 milhões de pessoas.

Quem foi Adolf Hitler?

Adolf Hitler foi o líder da Alemanha Nazista entre 1934 a 1945. Foi o responsável pela Segunda Guerra Mundial e implantou políticas fascistas que ocasionaram a morte de milhares de pessoas.

Adolf Hitler nasceu na Áustria e chegou ao poder na política alemã através do Partido Nacional Socialista dos Trabalhadores Alemães, que ficou popularmente conhecido como Partido Nazista. Foi ditador, provocando além da Segunda Guerra Mundial, o Holocausto (assassinato em massa de cerca de seis milhões de judeus).

Infância de Adolf Hitler

Adolf Hitler nasceu em Branau am Inn, na Áustria, em 20 de abril de 1889, sendo o quarto filho dos seis filhos de Alois Hitler e Klara Pozl. Aos três anos de idade, mudou-se com a sua família para a Alemanha. Não tinha a aprovação de seu pai pelo interesse em artes visuais, pois ele preferia que Hitler seguisse a carreira no setor de negócios.

Hitler demonstrou interesse pelo nacionalismo alemão, negando a autoridade da Áustria-Hungria. Ele fez com que esse nacionalismo fosse a sua força motivadora.

Perdeu a mãe com quem tinha uma boa relação e sofreu bastante. Mais tarde, após a morte do seu pai, abandonou a escola e foi morar em Viena, onde trabalhou como pintor e operário. Tentou entrar na Academia de Artes Visuais, porém foi rejeitado, onde sem dinheiro acabou indo morar em um abrigo.

Luta na primeira guerra mundial

Hitler entrou para o exército alemão no início da Primeira Guerra Mundial, mesmo sendo um cidadão austríaco. Ele esteve presente em diversas batalhas.

Cursos Grátis Online com Certificado. São mais de 2000 Cursos. Clique no botão abaixo e escolha seu curso:

LISTA DE CURSOS

Hitler ficou amargurado após o fiasco da guerra, ficando muito abalado com a rendição da Alemanha em 1918, o que fez com que reforçasse a sua adoração pela Alemanha. Hitler acreditava que o exército alemão tinha sido traído por líderes civis e marxistas. Ele considerou o Tratado de Versalhes infame, principalmente a cláusula que citava que a Alemanha era a responsável pela guerra.

Adolf Hitler

Com o fim da Primeira Guerra Mundial, Hitler voltou para Munique e continuou a trabalhar para o exército como um oficial da inteligência. Durante a sua atuação no Partido dos Trabalhadores Alemães, começou a adotar ideias antissemitas, nacionalistas e antimarxistas de Anton Drexler, que era o fundador do seu Partido.

Hitler desenhou pessoalmente o símbolo do partido, que possuía uma suástica em um círculo branco com o fundo vermelho, que mudou de DAP para NSDAP (Partido Nacional Socialista dos Trabalhadores Alemães) para aumentar o seu apelo.

Início do seu poder

A Grande Depressão causada na Alemanha serviu como uma oportunidade política para Hitler. Pois, os alemães estavam descrentes em relação à república parlamentar e cada vez mais injustos ao extremismo. Foi quando em 1932, Hitler se lançou como presidente, porém perdeu, mas alcançou uma boa quantidade de votos.

Hitler e seus aliados políticos deram início a um extermínio sistemático da oposição restante, após o controle supremo sobre as repartições legislativas e executivas do governo, onde o Partido Nazista foi destacado como o único partido legal da Alemanha.

Um dos principais conceitos do nazismo era o da higiene racial. As novas leis eliminaram casamentos entre judeus e não judeus alemães. Também privaram os povos que não eram europeus dos benefícios da cidadania alemã. Durante o poder de Hitler, foram mortos milhares de pessoas.

As mortes aconteceram em campos de concentração e extermínio, onde ocorriam em massa. Outros grupos que também eram perseguidos pelos nazistas incluíam os poloneses, comunistas, homossexuais, sindicalistas, testemunhas de jeová, entre outros. Hitler nunca havia visitado os campos de concentração e não comentava publicamente sobre os assassinatos.

Visões religiosas

Adolf Hitler foi criado por uma família católica. Porém, deixou de participar dos sacramentos e passou a apoiar o Movimento Cristão Alemão. Em seu livro, Mein Kampf, Hitler afirmou que era favorável ao cristianismo positivo, que era um movimento que limpava do cristianismo todos os elementos do judaísmo e inseria ideias nazistas.

Haviam relatos de que Hitler era teísta, mesmo amigos próximos dizendo que ele tinha visões negativas do cristianismo. Hitler apresentava um quadro oposto de um indivíduo que parecia espiritual, mas era contra a religião organizada. Mas ao mesmo tempo, quando se tornou chefe das forças armadas, ordenou a colocação da frase “Gott mit uns” (“Deus está conosco”), nos uniformes dos militares.

Adolf Hitler e ” Minha Luta “

Durante o tempo em que esteve preso, Adolf Hitler escreveu Mein Kampf (Minha Luta). Ele relatava detalhes de seus pontos de vista sobre o futuro do povo alemão.

No livro era enfatizado diversos ataques a democratas, comunistas e principalmente os judeus, no qual ele declarava inimigos da nação alemã.

Para Hitler, os judeus seria um povo sem cultura que não teriam raça e o povo alemão seria a mais alta pureza racial, sendo considerada uma ração superior, onde também deveria ser evitado o casamento de um alemão com outra raça.

No livro, a Alemanha deveria exterminar os judeus de seu território e, expandir-se para Rússia, onde constituiria um império que iria dural mil anos sob o comando de um líder.  As ideias de Hitler relatadas no livro, fizeram com que o Partido Nazista alcançasse 33% dos votos nas eleições de 1930.

O livro de Hitler, na verdade, era uma confissão, no sentido agostiniano de “profissão de fé”, porém explica ao que ele acreditava, de onde ele vinha e para onde iria, mas não foi levado a sério.

O início da Segunda guerra mundial

Em 1938, Hitler, junto com outros líderes europeus, assinou o Tratado de Munique. Após, invadir a Polônia, e, em resposta, a Grã-Bretanha e a França declararam guerra à Alemanha, com isso Hitler aumentou suas atividades em 1940, invadindo a Escandinávia, França, Luxemburgo, Países Baixos e Bélgica e determinou ataques ao Reino Unido.

Cursos Grátis Online com Certificado. São mais de 2000 Cursos. Clique no botão abaixo e escolha seu curso:

LISTA DE CURSOS

Em 22 de junho de 1941, Hitler desobedeceu um pacto de não agressão com Joseph Stalin, enviando 3 milhões de soldados alemães à URSS. Em 7 de dezembro, o Japão atacou a base de Pearl Harbor, no Havaí, e a guerra passou a ser entre Hitler e a aliança que incorporava o maior império do mundo (Britânico), o maior poder financeiro do mundo (EUA) e o maior exército (URSS).

O exército de Hitler começou a cair, assim como a economia da Alemanha e a saúde de Hitler. O país não conseguia mais se manter e a guerra se tornava mais agressiva. No final de 1942, as forças alemãs falharam na tomada do Canal de Suez e logo depois nas Batalhas de Stalingrado e Kursk.

Em 6 de junho de 1944, os exércitos aliados chegaram ao norte da França e como consequência, vários oficiais alemães se deram conta de que a derrota era certa e que a teimosia de Hitler levaria à destruição da Alemanha.

Estilo de liderança

O estilo de liderança de Hitler era autocrático, ou seja, Hitler governava com um estilo de liderança onde a repressão era marcante, onde o regime político imposto era por si próprio, pois Hitler colocava as suas crenças á frente do governo, transformando a Alemanha em uma ditadura nazista.

O Holocausto

Hitler era conhecido Quem foi Adolf Hitler?pela sua determinação e com isso levou até o fim, tendo o apoio de seus oficiais, a sua terrível ideia de tentar exterminar todos aqueles que não pertenciam á raça ariana. O Holocausto foi marcado pela morte de 56 milhões de pessoas de 25 nacionalidades.

6 milhões de Judeus foram mortos no Holocausto, onde representavam um terço desse povo que vivia na Europa. Para os judeus foi planejada e executada a “Solução Final” que previa o extermínio total de todos os Judeus através de câmaras de gás.

Derrota na guerra

No início de 1945, Hitler percebeu que a Alemanha iria perder a guerra. Os soviéticos tinham recuado o exército alemão e os Aliados avançavam em direção à Alemanha.

Após se casar com a sua namorada, Eva Braun, Hitler recebeu o comunicado do assassinato do ditador Benito Mussolini. Com medo de acabar nas mãos das tropas inimigas, acabou se suicidando ao lado da esposa, um dia após o seu casamento.

O programa político de Hitler desencadeou em uma guerra mundial. Várias regiões da Europa ficaram empobrecidas e destruídas, além da sua política causar muito sofrimento humano, onde vitimou milhões de pessoas. A derrota de Hitler marcou o fim do fascismo (radicalismo político autoritário).

A morte de Adolf Hitler

Após a invasão das tropas soviéticas que invadiram Berlim, onde Adolf Hitler se casou com Eva Braun e seu Estado-Maior tiveram que se refugiar num bunker localizado no centro da capital, o ditador previu que o seu fim estava próximo.

Para não cair nas garras dos inimigos e temendo o pior, Adolf Hitler decidiu se matar ao 56 anos, ao lado da esposa, com quem namorou durante anos, mas ficou apenas um dia casado.

De acordo com o seu desejo, o corpo de Hitler foi queimado e as suas cinzas foram espalhadas para que não caíssem nas mãos dos seus inimigos soviéticos.

Pergunta dos leitores

Quais as principais frases de Adolf Hitler?

“Não se implora por direitos, se luta por eles.”

“Não há nada na história que tenha sido conquistado sem derramamento de sangue!”

“É sempre mais difícil lutar contra a fé do que lutar contra a inteligência.” 

“Acredito hoje que minha conduta está de acordo com a vontade do Criador Todo-Poderoso.” 

“A história é tão antiga quanto meu avô.” 

“Temos de ser cruéis. Temos de recuperar a consciência tranquila para sermos cruéis.”

“Não se pode viver verdadeiramente e desistir do que dá significado e propósito a uma vida inteira.”

“Quanto mais você aspirar, mais vai crescer”.

“O que pode ser dito, pode jamais ser escrito”.

“Uma mentira dita cem vezes, torna-se verdade um dia”.

Por que Adolf Hitler odiava os judeus?

Existem várias versões sobre o motivo do ódio de Hitler pelos judeus. Porém, o relato que mais tem força é devido a morte da sua mãe que teria sido envenenada ao ser medicada por um judeu. Outro relato também conta que Hitler odiava os judeus após as suas experiências depois da Primeira Guerra Mundial.

Onde está enterrado Adolf Hitler?

Em 1970, três agentes da KGB encontraram os ossos do ditador, que estava escondido desde o fim da Segunda Guerra Mundial. Cremaram e jogaram as cinzas ao vento. Porém há controvérsias, de que após se matar, Hitler teria sido cremado. Suas cinzas teriam sido espalhadas de imediato para que não caíssem nas mãos dos soviéticos. O único agente vivo, Vladimir Gumenyuk, recusou diversas ofertas milionárias para apontar onde estava enterrado Adolf Hitler.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.