PostHeaderIcon ÉTICA PROFISSIONAL E ESTATUTO - Exame 133 - SP

ÉTICA PROFISSIONAL E ESTATUTO - Exame 133 - SP

 

 

91) Esculápio, advogado, inscrito, há longos anos, na OAB, após aprovação em Exame de Ordem, é surpreendido com a notícia de que o advogado Sófocles, que atua no seu escritório em algumas causas, fora entrevistado por jornalista profissional, tendo afirmado ser usuário habitual de drogas. A entrevista foi divulgada amplamente. Após conversas reservadas entre os advogados, os termos da entrevista são confirmados, bem como o vício portado. Não há acordo quanto a eventual tratamento de saúde, afirmando o advogado Sófocles que continuaria a praticar os atos referidos.

Diante dessa narrativa, à luz da legislação aplicável aos advogados, é correto afirmar que

 

A) não há penalidade prevista, uma vez que se trata de questão circunscrita à Saúde Pública.

B) o advogado pode ser excluído dos quadros da OAB.

C) a sanção disciplinar se aplica a eventual uso de drogas.

D) no caso em tela, há sanção disciplinar aplicável.

 

92 ) Os advogados Pedro e João desejam estabelecer sociedade de advogados com o fito de regularizar o controle dos seus fluxos de honorários e otimizar despesas. Estabelecem contrato e requerem o seu registro no órgão competente. À luz da legislação aplicável aos advogados, é correto afirmar que

 

A) é possível a participação de advogados em sociedades sediadas em áreas territoriais de seccionais diversas.

B) o Código de Ética não se aplica individualmente aos profissionais que compõem sociedade de advogados.

C) podem existir sociedades mistas de advogados e contadores.

D) a procuração é sempre coletiva quando atuante sociedade de advogados.

 

93) Hércules, advogado recém-formado, é procurado por familiares de uma pessoa que descobriu, por vias transversas, estar sendo investigada em processo sigiloso, mas não tem ciência do objeto da investigação. Sem portar instrumento de procuração, dirige-se ao órgão investigador competente para obter informações, identificando-se como advogado do investigado. A autoridade competente, em decisão escrita, indefere o postulado, por estar ausente o instrumento do mandato e, ainda, ser a investigação sigilosa. Diante dessas circunstâncias, à luz da legislação aplicável, é correto afirmar que

 

A) o acesso a processo sigiloso é possível aos advogados somente quando requeiram a prática de ato.

B) o acesso dos advogados dos interessados a processos sigilosos romperia com a proteção que eles mereceriam.

C) o processo sigiloso é acessível a advogado portando instrumento de mandato.

D) mesmo sem urgência, a atuação do advogado poderia ocorrer, sem mandato, em processo sigiloso.

 

 

94 ) O advogado Walter recebe correspondência eletrônica relatando fatos que o seu cliente apresentou como importantes para constar em processo judicial a ser iniciado. Expressamente, em outra mensagem também eletrônica, autorizou a utilização das informações nas peças judiciais. Proposta a ação, os fatos foram publicizados, vindo o cliente a se arrepender da autorização dada. Com isso, busca reverter a situação por ele criada. Diante da informação de que, uma vez nos autos processuais, não poderia haver retirada das petições apresentadas, ameaça o profissional com futura representação disciplinar. O cliente não negou ter autorizado a utilização das informações.

Diante de tal quadro, é correto afirmar que

 

A) mesmo com autorização, fatos considerados confidenciais na relação cliente-advogado não podem ser divulgados judicialmente.

B) as confidências epistolares são protegidas pela imunidade absoluta quanto à sua publicidade.

C) essa divulgação depende de autorização judicial.

D) ao advogado é permitida a divulgação de confidências, com autorização do cliente.

 

95) Juvenal, estagiário regularmente inscrito nos Quadros da OAB, em processo no qual se encontra indicado como tal, retira do cartório os autos do processo, deixando de devolvê-los no prazo legal. Regularmente intimado, mantém a sua inércia. Em termos disciplinares, é correto afirmar que

 

A) o estagiário não sofre sanções disciplinares.

B) o advogado responsável pelo estagiário é o destinatário das sanções nesse caso.

C) não há diferença na atuação do estagiário e do advogado para efeito de sanções disciplinares.

D) no caso em tela, não haverá qualquer sanção nem ao advogado nem ao estagiário.

 

96) Túlio, advogado, é surpreendido ao praticar crime inafiançável, sendo preso em flagrante pela autoridade policial. A OAB é comunicada, e, por meio de membro da Comissão de Prerrogativas, acorre advogado ao local onde estão sendo realizados os trâmites procedimentais.

Nos termos das normas estatutárias, é correto afirmar que

 

A) a prisão do advogado que demanda a intervenção da OAB é a originária do exercício profissional.

B) o fato de a prisão atingir advogado indica a presença do representante da OAB.

C) só a prisão determinada pelo juiz é que permite a participação dos representantes da OAB.

D) a prisão preventiva é aquela que está circunscrita na atuação da OAB.

 

97) Em termos de processo disciplinar perante a OAB, é correto dizer que, havendo representação contra presidente de seccional, o órgão competente será o

 

A) próprio Conselho Seccional, impedido o presidente.

B) Conselho Federal da OAB.

C) Conselho Federal da OAB, quando houver impedimento de dois terços do Conselho Seccional de origem para o julgamento.

D) Conselho Seccional que for escolhido pelo Conselho Federal da OAB, por maioria absoluta.

 

98) Semprônio reside no Estado W, onde mantém o seu escritório de advocacia, mas requer sua inscrição principal no Estado K, onde, em alguns anos, pretende estabelecer domicílio. No concernente ao tema, à luz das normas estatutárias, é correto afirmar que

 

A) o advogado pode eleger qualquer seccional para inscrição principal ao seu arbítrio.

B) o Conselho Federal pode autorizar a inscrição principal fora da sede do escritório do advogado.

C) na dúvida entre domicílios, prevalece o da sede principal do exercício da advocacia.

D) a inscrição principal está subordinada ao domicílio profissional do advogado.

 

99 A prescrição para a cobrança de honorários advocatícios tem como termo inicial, consoante as normas estatutárias

 

A) o início do contrato de prestação de serviços.

B) a sentença que julga procedente o pedido em favor do cliente do advogado.

C) a data da revogação do mandato.

D) o dia do primeiro ato extrajudicial.

 

100)  Caio é eleito Senador da República e escolhido para compor a mesa do referido órgão legislativo. Como advogado regularmente inscrito nos quadros da OAB, pretende atuar em causa própria e realiza consulta nesse sentido à OAB. Quanto ao tema em foco, de acordo com as regras estatutárias, é correto afirmar que a atuação de Caio

 

A) é possível, pois a função exercida caracteriza mero impedimento.

B) não é possível, sendo o caso de incompatibilidade mesmo em causa própria.

C) em causa própria constitui uma exceção aplicável ao caso.

D) poderá ocorrer, nessa situação, mediante autorização especial.

 

 

91

92

93

94

95

96

97

98

99

100

D

A

B

C

A

D

C

C

B

D

 

 
Visitantes
Visualizações de Conteúdo : 5949001